Astral
AtividadesPasse

Passe

O passe é uma prática amplamente difundida entre os espíritas que consiste, grosso modo, na imposição das mãos feita por um indivíduo, que recebe o nome de passista, sobre outro, que se acha geralmente sentado à sua frente, num ambiente à meia-luz.

O ato tem o poder de canalizar “fluidos” ou “energias” benéficos, oriundos do próprio passista, de bons espíritos, ou ainda de ambas as fontes somadas. A prática integra habitualmente o chamado tratamento espiritual.

A classificação dos passes varia de acordo com a ótica pela qual este está sendo analisado.

Recebedor

O passe pode ser classificado, consoante seu recebedor, em individual ou coletivo.
  • O passe individual é aquele onde um ou mais passistas realizam o trabalho de imposição de mãos em cada paciente, a cada vez.
  • Será coletivo o passe quando o seu objeto for um grupo de indivíduos;

Passista

Aquele que aplica o passe pode atuar com seus fluidos apenas - chamado anímico; ou receber auxílio espiritual, no passe mediúnico.
  • Anímico - será o passe em que há apenas a ação do passista na doação fluídica e magnética.
  • Mediúnico - onde o passista é mero instrumento na ação do Espírito, sendo que este seria o único a atuar fluídica e magneticamente;
  • Misto - onde o processo envolveria tanto encarnado como desencarnado.